Nosso site foi convidado pela Editora timo para participar do Encontro com Dr Carlos Gonzalez em São Paulo no último dia 19 de novembro, data que marcou também o lançamento do livro Meu Filho não Come , quem acompanha nosso site e nossas mídias,com certeza já leram algum texto do Dr Carlos Gonzalez, pois o acompanho desde antes da introdução alimentar do Heitor que hoje tem 4 anos. E foi seguindo vários ensinamentos dele, como : não forçar meu filho a comer mais do que o apetite dele pede.  Segundo Dr Carlos, o apetite é que regula a ingestão de alimentos;e pelo menso em crianças, o faz de maneira adequada ás suas necessidades. As crianças não tem idéias pré-concebidas de quanto nem quando devem comer. Elas não sabem (nem precisam saber das recomendações do pediatra,nem da Organização Mundial de Saúde, ou o que come o filho do seu vizinho, mas seu cuidador e alimentador tem de usar o bom senso. Aliás, bom senso é a única “receita” que até hoje eu li DR Carlos indicar. Ele constuma dizer que para criar um bebê a única coisa necessária é o bom senso, e é mesmo.

As mães  obviamente preocupam-se com a saúde de seus filhos. Mas existe algo a mais, uma coisa que converte a inapetência em um problema muito mais angustiante do que a tosse ou os resfriados. Por um lado,a mãe tende a acreditar (ou a convencem disso), que a culpa é dela:que ela não preparou a comida adequadamente, que não soube como oferecê-la, que não educou bem o seu filho… Por outro lado, ela tende a tomar isso como um tema pessoal.  Quase todas as mães expressam esse profundo sentimento pessoal dizendo ” Não come como eu gostaria” em vez de “ Não come”. 

A idéia de não obrigar uma criança a comer, que constitui o eixo central do livro Meu filho não come não deve ser considerada, portanto, como um método para abrir o apetite, mas sim, como uma manifestação do nosso amor e respeito pelos nossos filhos. Ao parar de obrigá-los, eles continuarão comendo a mesma quantidade, mas sem os sofrimentos e brigas que até agora acompanhavam as refeições.

Por que muitos bebês param de comer com um ano?

Os bebês, comem, em relação ao seu tamanho, muito mais que os adultos. Isso significa que, no processo de virar adultos,mais cedo ou mais tarde eles terão que começar a comer menos. Mais cedo que tarde, para a surpresa e o terror de muitas mães. As crianças costumam “parar de comer”, aproximadamente quando fazem um ano. Alguns já param de comer desde os nove meses. Outros “aguentam” até um ano e meio ou dois anos. Alguns poucos nunca param de comer, enquanto outros “nunca comeram, desde que nasceram”.

O motivo dessa mudança por volta de um ano, é a diminuição da velocidade de crescimento,que já comentamos. No primeiro ano, os bebês engordam e crescem mais rapidamente do que em qualquer outra época da sua vida extrauterina. Durante o segundo ano, por outro lado, o crescimento é muito mais lento:uns 9 cm e alguns quilinhos, Assim vemos que, em um dos três principais momentos de gasto energético, a energia necessária para mover-se aumenta, porque a criança se move mais: a necessária para manter-se vivo também aumenta, porque a criança é maior. Mas a energia necessária para crescer diminui de maneira espetacular. Os pais desinformados sobre o esse fato, fazem um raciocínio aparentemente lógico: “ Se com um ano ele come um tanto,com dois comerá o dobro. Resultado uma mãe tentando dar o dobro de comida, a uma criança que precisa da metade ou menos. O conflito é inevitável e violento. 

Este tipo de explicação acima descrito, é apenas uma pequena introduçaõ, a tudo que o Dr Gonzalez lança luz, para nós mães e ou quem quer que cuide do bebê enquanto a mãe ou o pai não estão. Em tempos de comida industrializada e propaganda para que consumamos cada vez mais algo que pode prejudicar nossa saúde, temos um pediatra que acredita na alimentação mais simples possìvel e acessìvel  á todos. Fazer leituras acerca dos livors de Dr Gonzalez é um retorno ao bom senso, e ainda, promove a auto estima das mamães.  Se puderem adquiram os livros e passem para suas filhas e filhos como um legado. 15171068_1153516904695553_2924930560220270279_n

 

Na foto abaixo, esta pessoa que vos escreve, tietando um pouco o nosso querido Dr Gonzalez.

 

Dr Carlos Gonzalez no Brasil

Dr Carlos Gonzalez no Brasil

 Vocês já seguem nosso instagram?

Vocês já nos seguem em nosso instagram? È o @babysaudavel

Um big beijo, com cheiro de Natal á todas. HOHOHO